Workshop para representados

O perfil dos consumidores mudou muito nos últimos anos, principalmente em razão das evoluções tecnológicas. As pessoas prezam por praticidade, estão mais conectadas, informadas e exigentes, além de as relações com as empresas não mais se resumirem à compra. É preciso encantar o cliente, fazê-lo ter experiências positivas que permitam criar vínculos de confiança e estimulá-lo a consumir mais.

Para preparar farmacêuticos e balconistas das farmácias e drogarias representadas a atuarem nesse novo cenário, o Sincofarma Minas Gerais promoveu, em parceria com o Senac Minas, um Workshop sobre Técnicas de Vendas e Legislações Aplicáveis ao Segmento de Farmácias e Drogarias. A atividade foi realizada no dia 23 de maio, na sede do Senac, em Belo Horizonte.

“A ideia foi ensinar técnicas de atendimento e promover uma atualização sobre temas técnicos cotidianos do setor”, explica Kátia Vanessa Moreira Mendes do Bom Conselho, Diretora do Sincofarma Minas Gerais e Coordenadora do Grupo Farmácia Comunitária. Antônio Cláudio de Resende, Diretor do Sincofarma Minas Gerais, que também esteve presente no treinamento, ressalta a importância da iniciativa, por considerar o foco no cliente como “o grande diferencial para as farmácias e drogarias aumentarem as vendas.”

Ambos destacaram que a realização do workshop foi possível graças as contribuições patronais pagas pelas empresas, que se tornaram opcionais com a Reforma Trabalhista. “É essencial que os associados continuem contribuindo para que outras atividades possam ser organizadas”, recomenda Kátia.

 As palestras

Hagabo Mathiyell Silva, Orientador do Curso de Farmácia do Senac, e Daniel Sanches de Sousa, Consultor de Negócios do Senac, conduziram as apresentações, que abordaram os seguintes temas:

  • Técnicas de Vendas para Balconistas de Farmácias
  • Noções de Legislações Vigentes no Mercado Varejista Farmacêutico
  • Como fazer para vender mais?
  • Desenvolvimento do potencial do balconista como agende promotor da saúde
  • Principais grupos de medicamentos e correlatos

“As legislações referentes ao setor varejista farmacêutico são rigorosas, e os profissionais que atuam na área precisam conhecê-las para não infringi-las e orientarem os clientes de forma segura”, diz Hagabo. Para Daniel, “proporcionar uma experiência positiva para os clientes é primordial para se destacar no mercado atual.” “O vendedor precisa se colocar no lugar do consumidor, pensar diferente do usual e atender cada cliente da melhor maneira possível.”

Os participantes ficaram satisfeitos com os conteúdos. “Foi uma oportunidade de trocar experiências. As legislações mudam muito e o workshop atualizou nossos conhecimentos”, afirma Romeu Heleno Duarte Júnior, da Farmácia Remediar, de Juatuba. “Trabalho como balconista há pouco tempo e o treinamento esclareceu muitas dúvidas e nos deu dicas muito úteis ao dia a dia”, completa Sabrina Oliveira Almeida, da Farmácia Barbosa, de Belo Horizonte.

 

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

Veja outras notícias